ÚLTIMAS NOTÍCIAS / CORONAVÍRUS NO "ASILO"

Equipes de saúde previnem comunidade do Lar são Vicente contra a Covid-19

Quarta-feira, 05 de agosto de 2020

Visualizada 211 vezes


Na tarde dessa terça-feira (04/05), a equipe de profissionais do programa Estratégia Saúde da Família (ESF) somou ideias com membros da Vigilância Sanitária e a psicóloga Kelly Magalhães e realizou uma ação de orientação sobre a prevenção e o controle de infecções pelo novo Coronavírus aos funcionários e internos do Lar São Vicente de Paulo.

 

Na ocasião, a equipe apresentou a norma técnica Nº 05/2020 da Vigilância Sanitária, que trata exclusivamente do uso correto de equipamentos de proteção individual (EPIs), como as máscaras, além da higienização frequente das mãos com álcool 70%, do distanciamento social e mostrou, também, a importância de algumas práticas que fazem a diferença na prevenção contra a Covid-19.

 

“Nós, equipes da linha de frente, sentimos a necessidade de levar às pessoas mais suscetíveis à doença instruções básicas de cuidado, como o uso adequado da máscara, como tira-la, como manter o distanciamento de um interno do outro, a importância d’eles permanecerem dentro da instituição messe período, sem aglomerações e sempre de máscara e adotar o fracionamento de grupos nas refeições”, explica a enfermeira Rosana Campos.

 

A psicóloga Kelly Magalhães da Unidade de Saúde da Família (USF), colocou em questão os fatores estressantes relacionados à doença, como a ansiedade e as angústias que surgiram diante à pandemia. “Alguns funcionários relataram estresse, ansiedade, com a mudança na rotina de trabalho, com o uso de EPIs e o medo de ser infectado; principalmente em infectar os idosos e trazer o vírus para dentro da unidade asilar, por saberem que são grupos mais vulneráveis”, relata a psicóloga.

 

De acordo com Kelly, essas reações já são esperadas de modo geral. “Por isso é necessário desenvolver mecanismos e estratégias que promova bem-estar psicológico, como por exemplo organização da rotina de atividades diárias sob condições seguras, alimentação e sono regular, prática de exercícios físicos, técnicas de relaxamento, conexão com familiares através de redes sociais, entre outros”, finaliza.

 

Texto e fotos: Fabício Evaristo, técnico em comunicação

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

Última atualização do site: 02/03/2020 - 13:15:29